Atividade: emoções & comportamento

Tempo de leitura: 3 minutos

Hoje, quero falar sobre duas atividades bem bacanas que podemos proporcionar para alunos visando que aprendam a ter reações adequadas diante de suas emoções.

Essas duas atividades você encontra no nosso e-book gratuito Resolução de Problemas! Clique AQUI para fazer o download.

Primeiramente, farei a apresentação do e-book para contextualizar os exercícios que serão propostos aqui.

O e-book Resolução de Problemas é um guia para educadores e profissionais da saúde. Ele apresenta um passo a passo para auxiliar a criança a resolver seus problemas, aumentando seu repertório para desenvolver as habilidades necessárias.

1ª atividade – Mãozinha do autocontrole

A atividade número um chama-se Mãozinha do autocontrole. Ela é simples, de fácil compreensão e, além disso, pode ser aplicada para indivíduos de qualquer idade.

Segue abaixo a imagem que será trabalhada.

Ilustração da atividade: Mãozinha do autocontrole

Na folha da mãozinha, nomeie os cinco dedos e descreva suas funções.

  1. Polegar: lembrar que é errado machucar os outros, fisicamente ou verbalmente;
  2. Indicador: lembrar de respirar profundamente 3 vezes;
  3. Médio: lembrar de comunicar como estamos nos sentindo;
  4. Anelar: lembrar de pedir ajuda quando necessário;
  5. Mindinho: lembrar de contar até 10 antes de qualquer ação.

Após realizada a tarefa acima, indica-se ao participante que enfeite o desenho da mão de acordo com sua personalidade. Em seguida, pedir que escreva na mãozinha as pessoas e as situações que são importantes para ele.

Também se pede para que ele feche os olhos, reflita e, quando finalizar a reflexão, escreva em cada dedo:

  1. quem ele deve parar de machucar e quais as relações que precisam de cuidados;
  2. quais as situações que ele precisa lembrar-se de respirar e o que melhora quando ele respira (aqui se ensina a respiração de quatro tempos);
  3. a quem ele precisa dizer como está se sentindo e quem está causando uma perturbação emocional (aqui, é necessário ter educação emocional para conhecer as diferentes emoções);
  4. quais as situações em que ele precisa pedir auxílio, que tipo de pensamentos o auxiliam durante aquelas situações e como alguém que ele admira passaria por aquela situação;
  5. em que acontecimentos ele fica fora de controle e precisa modificar suas respostas fisiológicas, através da respiração lenta e profunda e da contagem até 10.

2ª atividade – Qual o tamanho do meu problema? Qual o tamanho da minha reação?

O exercício número dois é chamado Qual o tamanho do meu problema? Qual o tamanho da minha reação? Antes de realizá-lo, no entanto, é necessária uma rápida contextualização.

Precisamos entender que tudo que vivemos é interpretado por nosso cérebro de maneira subjetiva. Por essa razão, nem sempre nos sentimos e reagimos de acordo com a intensidade da situação, seja ela boa ou ruim.

Um modo simples de trabalhar essa interpretação de forma preventiva é através do exercício.

Confira a ilustração contendo a atividade abaixo.

Ilustração da atividade: Qual o tamanho do meu problema? Qual o tamanho da minha reação?

ps: A atividade deve ser impressa e distribuída individualmente, de modo que as crianças possam preenchê-las, e, assim, aprender a identificar seus problemas e o tamanho da sua reação.

A atividade consiste em exibir à turma alguma situação vivenciada por personagens que ilustra a interpretação errônea da realidade. Podem ser utilizados episódios de desenhos, séries, peças de teatro, cenas de filmes, passagens de livros… tudo depende de quem aplica o exercício. Pessoalmente, costumo trabalhar com episódios de Todo Mundo Odeia o Chris.

Em seguida, faz-se, junto com o grupo, o debate. Discutimos a relação situação -> pensamento -> sentimento -> comportamento observada na ficção e fazemos uma análise do que foi visto. Desse modo, trabalhamos a consciência de suas emoções e de suas ações.

Acima de tudo, é importante que a observação seja profunda! Ademais, é possível realizar a dramatização do episódio. Assim, o grupo pode refazer as cenas com posturas mais assertivas.


Você pode baixar gratuitamente o e-book e as ilustrações no botão abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.