O que é o otimismo

Tempo de leitura: 2 minutos

Para explicar o que é o otimismo, primeiro quero explicar o que ele não é.

O otimismo não é a negação da realidade – quando o indivíduo se recusa a aceitar e compreender a sua situação atual.

Ser otimista está diretamente relacionado com padrões de pensamento e comportamento para se modificar uma situação desconfortável.

Esses padrões de pensamento fazem com que a pessoa acredite que é capaz de transpor adversidades e ter a tolerância para aguentar o processo.

Resumindo, o indivíduo otimista não se entrega diante da dificuldade.

Ele foca suas forças em passar por aquela situação, mesmo que o progresso seja lento e difícil.

É por isso que a emoção associada a ele é a esperança.

Além disso, o otimismo faz bem.

Existe uma ligação direta entre o otimismo, o bem-estar e uma boa visão de si mesmo.

Dessa forma, o otimismo funciona como fator de proteção – protege a pessoa emocional, mental e fisicamente.

Nesse post, falo tudo direitinho sobre o otimismo aprendido e o otimismo disposicional. Clique aqui para conferir.

O otimismo e o pensamento construtivo

Muitos pesquisadores tentam comprovar a relação entre pensamentos construtivos e a saúde das pessoas.

Algumas pesquisas feitas, por exemplo, apontam que depressão, ansiedade e raiva estão relacionadas com doenças cardíacas.

Também sabemos que o estresse, quando sentido em doses muito altas, faz o coração bater mais rápido, aumentando a pressão arterial e, por consequência, a possibilidade de um infarto.

Mas a notícia boa é que um estudo feito por um centro médico em Duke, nos EUA, constatou que o oposto também é verdadeiro.

Emoções positivas podem, sim, tornar uma pessoa mais saudável.

Além desse, foi realizado outro estudo em Boston, que analisou a capacidade dos voluntários de controlar emoções positivas e negativas.

O resultado foi que 14% dos indivíduos que não apresentavam autocontrole sofreram de ataques cardíacos ou doenças cardiovasculares contra apenas 6% daqueles que apresentavam.

Assim, é difícil acreditar que pensar de modo construtivo não traz benefícios para a nossa vida.

É muito natural ver pessoas otimistas conquistando seus objetivos, não é?

Além disso, essas pessoas são mais saudáveis e, portanto, vivem mais.

Vamos pensar de maneira mais construtiva?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.